DownLivre

Recebe as novidades por email

WhatsApp muda termos de uso e passa a compartilhar dados com o Facebook


Facebook poderá usar o número do celular e o número de identificação do aparelho para conectar as contas dos usuários nos dois serviços; entenda

Com atualização dos termos de uso, aplicativo WhatsApp passa a compartilhar dados do usuário com o Facebook 


Com atualização dos termos de uso, aplicativo WhatsApp passa a compartilhar dados do usuário com o Facebook 

O WhatsApp anunciou nesta quinta-feira (25) mudanças nos termos de serviço e política de privacidade do aplicativo, que permaneceram inalterados nos últimos quatro anos. Segundo a empresa, as atualizações são uma tentativa de testar uma nova forma de comunicação entre usuários e empresas, implementar novos recursos - como a Chamada de Voz no WhatsApp e a criptografia de ponta-a-ponta por meio da junção com o Facebook - e criar maneiras de diálogo através do WhatsApp para computador e web. 

As mudanças oficializam o compartilhamento dos dados cadastrais dos usuários do WhatsApp com o Facebook, que comprou o aplicativo em 2014. Com essa atualização, a rede social poderá usar o número cadastrado no WhatsApp para localizar e sugerir pessoas que o usuário conheça e melhorar a precisão dos anúncios, mostrando peças publicitárias voltadas especialmente a usuários que cadastraram seus celulares no Facebook ou WhatsApp. 

A empresa ressaltou que embora o WhatsApp esteja trabalhando em colaboração com o Facebook, as mensagens trocadas entre os usuários serão criptografadas de ponta-a-ponta por padrão. Ou seja, elas continuarão sendo privadas, impossibilitando que outra possa ler as mensagens trocadas. O WhatsApp se compromete também a não publicar ou compartilhar o número do telefone do usuário com terceiros, incluindo o Facebook e anunciantes. 

Segundo a empresa, a nova política de colaboração com o Facebook permitirá que o WhatsApp obtenha métricas precisas em relação à frequência com que as pessoas usam o aplicativo e seja mais eficaz no combate aos spans dentro da plataforma. A companhia acrescentou que além das sugestões de amizade, o usuário receberá anúncios mais relevantes caso tenham algum tipo de conta com essas empresas. 

Uma nova forma de se comunicar com as empresas 

O aplicativo promete disponibilizar novas maneiras de o usuário se comunicar com as empresas por meio do WhatsApp. As interações se darão por meio de pedidos, transações, informações sobre consultas, alertas para entrega de pedidos, atualizações sobre produtos e serviços, e marketing. Com essas novas oportunidades de comunicação, o usuário poderá receber, por exemplo, informações sobre o status do voo de uma viagem, um recibo de compra que tenha feito, ou uma notificação assim que uma entrega for efetuada. Já as mensagens de marketing deverão conter apenas ofertas que sejam de interesse do usuário. 

Contudo, é bastante simples contornar esta nova medida e evitar – pelo menos em teoria – que o WhatsApp partilhe as suas informações com o Facebook. Como diz o Diário de Notícias, quando o utilizador for confrontado com esta nova política, tem apenas de clicar em “Ler”, tirar o sinal de “check” da caixa que diz que aceita esta partilha e clicar em “Concordo”. Caso o utilizador aceite esta nova política e se venha a arrepender disso, tem até 30 dias para voltar atrás, tendo para isso que aceder às configurações de conta.

Previsão de Tempo em Luanda